Google+ Followers

domingo, 1 de abril de 2012



''Se não fosse amor, não haveria planos, nem ciúmes, nem coração magoado. Se não fosse amor, não haveria desejo, nem o medo da solidão. Se não fosse amor não haveria saudade, nem o meu pensamento o tempo todo em você. Se não fosse amor eu já teria desistido de nós.''


''Ele pode estar olhando as suas fotos. Neste exato momento. Porque não? Passou-se muito tempo. Detalhes se perderam. E daí? Pode ser que ele faça todas as coisas que você faz. Escondida. Sem deixar rastro nem pistas. Talvez ele passe a mão na barba mal feita e sinta saudade do quanto você gostava disso. Ou percorra trajetos que eram seus, na tentativa de não deixar que você se disperse das lembranças. As boas. Por escolha ou fatalidade, pouco importa, ele pode pensar em você. Todos os dias. E ainda assim preferir o silêncio. Ele pode reler seus bilhetes, procurar o seu cheiro em outros cheiros. Ele pode ouvir as suas músicas, procurar a sua voz em outras vozes. Quem nos faz falta acerta o coração como um vento súbito que entra pela janela aberta. Não há escape. Talvez ele perceba que você faz falta. E diferença. De alguma forma, numa noite fria. Você não sabe. Ele pode ser o cara com quem passará aquele tão sonhado verão em Paris. Talvez ele volte. Ou não.''


#c.f.a
"Como podemos estar bem com algo que nos deixa triste e cheio de dúvida ,as vezes o apego ou até mesmo o medo de ficar "sozinho" te fazem pensar assim...mas os planos de Deus para cada um de nós já estão traçados."

(Kamila Saraiva)


''Fiz uma faxina aqui dentro, tanta coisa que tava aqui dentro so ocupando espaço, embora não tenha sido fácil, joguei fora. Tem espaço de novo, na cabeça e no coração.''




(Vanessa Aryádna)
Dia 1° de Abril é o dia em que todo mundo faz o que costuma fazer todo os dias, so que HOJE sem culpa: MENTIR.
Mentir é muito fácil, mas falar a verdade... ah meu bem, mas isso tem gente que não faz nem com data marcada no calendário.





(Vanessa Aryádna)


''Nao sei se é angustia, carencia, ou saudade. Só sei que aqui dentro tem alguma coisa que diz, liga pra ele. É instinto eu acho, mas eu nao vou segui-lo seria meio que um suicidio. Sim eu quero voce, nao nego! Mas pra que isso aconteça sem mágoas ou feridas e preciso tempo, e é esse tempo que eu preciso respeitar mesmo com anseios no coração!''




(Nágila Matos)